Unidade de Investigação "TORRE" vai ser apresentada no Castelo de Celorico da Beira

Vai ter lugar no próximo dia 22 de maio, pelas 17H00, na torre do castelo de Celorico da Beira, a Apresentação da Unidade de Investigação TORRE e a inauguração da exposição “How much does a bullet cost? It takes 250,000 bullets to kill an insurgent”, do escultor João Castro Silva, promovidas pela Associação Luzlinar em parceria com o município de Celorico da Beira, no âmbito do projeto Pontes.


A iniciativa está ancorada num vasto projeto de território, de longo prazo e de escala internacional, promovido pela Associação Luzlinar em parceria com os municípios do Fundão, Belmonte, Guarda, Trancoso e Celorico da Beira. O Projeto Pontes, cofinanciado pelo Ministério da Cultura/Direção Geral das Artes, está organizado em cinco Unidades de Investigação cujas temáticas estão ligadas às realidades locais onde se inserem, a saber: ESCOLA (Guarda); MAPAS (Belmonte); COMUNA (Fundão); TORRE (Celorico) e CAMPUS (Trancoso). Estas Unidades de Investigação acolhem 14 laboratórios de pesquisa artística, que estabelecem ligações criativas e efetivas entre a arte, a educação, a ciência e a cultura, em articulação com as comunidades dos territórios das Beiras e Serra da Estrela.


A Unidade de Investigação TORRE, implementada em Celorico da Beira, tem o propósito de promover a pesquisa artística e científica através do cruzamento de diferentes áreas do conhecimento sob o lema: Unir-Criar-Guardar. O projeto TORRE vai centrar-se na História e património arquitetónico militar e albergar os laboratórios Mons Herminus Itinera (transdisciplinar e transversal a todos os projetos) e o Khrónos, onde a História será o objeto da investigação (matéria prima) e as ferramentas, o tempo e o espaço.


A torre simboliza a multiculturalidade, o centro de confluência de desigualdades e diversidades. Nesta ótica, a torre representa um espaço estratégico de convergência, potenciador da mudança e transformação do território através da arte, da ciência e da cultura.

12 visualizações